Ford vai fechar fábrica em São Bernardo com 2,8 mil trabalhadores

Estadão - 19/02/2019

A companhia anunciou nesta terça-feira, 19, a sua saída do mercado de caminhões na América do Sul; companhia teve prejuízo de US$ 678 milhões na região em 2018

Pátio de caminhões da Ford em São Bernardo do Campo. Foto: Marcio Fernandes/Estadão - 25/5/2016

Pátio de caminhões da Ford em São Bernardo do Campo. Foto: Marcio Fernandes/Estadão - 25/5/2016

A Ford anunciou nesta terça-feira, 19, a sua saída do mercado de caminhões na América do Sul e o encerramento da produção da planta de São Bernardo do Campo (SP). A companhia disse que a medida é um dos passos para “o retorno à lucratividade sustentável de suas operações na América do Sul”. Em balanço referente ao ano passado, a Ford apresentou prejuízo de US$ 678 milhões na região.

A unidade de São Bernardo, que hoje produz caminhões e também o modelo Fiesta, será fechada ao longo de 2019. Com a medida, a Ford deixará de comercializar as linhas Cargo, F-4000, F-350 e Fiesta assim que terminarem os estoques.

A empresa disse que os custos com essa decisão serão de cerca de US$ 460 milhões. Segundo estimativa do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, o encerramento da fábrica da Ford em São Bernardo representa a demissão de 2,8 mil trabalhadores.

A fábrica é a mais antiga em operação da montadora no Brasil, que ocupava a quarta posição no segmento de caminhões no País, com 12% de participação em 2018, atrás de Mercedes-Benz, Volkswagen e Volvo.

Fale conosco!

Tem alguma pergunta? nos envie uma mensagem.